A presença feminina está conquistando cada vez mais espaço no mundo dos negócios. As histórias das mulheres empreendedoras são verdadeiras fontes de inspiração. De todas as regiões do país, das diferentes e complicadas situações financeiras, casadas, solteiras, divorciadas, viúvas, com filhos ou sem filhos, as mulheres brasileiras dão a volta por cima para mostrar a que vieram no setor empreendedor.

Foi pensando nisso que selecionamos algumas mulheres empreendedoras de sucesso para você ficar de olho. Se emocione e se inspire com essas histórias de superação dos mais variados obstáculos, em busca da realização de sonhos e da conquista do mercado de trabalho!

Mulheres empreendedoras de sucesso

Para você ter uma ideia de como as mulheres verdadeiramente tomaram as rédeas do empreendedorismo no Brasil, só nos últimos dez anos tivemos um aumento de 21% na participação delas no mercado! Se compararmos esse valor com o correspondente da parcela masculina, veremos que a participação dos homens cresceu de maneira mais contida: cerca de 9% no mesmo período.

Além de estar em alta, o empreendedorismo feminino apresenta maior taxa de sobrevivência. Isso quer dizer que as mulheres atuam de maneira mais eficiente no planejamento e na execução de tarefas administrativas. De uma maneira geral, as mulheres são melhores gestoras.

Dê uma olhada nessa lista mais do que especial das mulheres que estão com tudo no mercado empreendedor. Venha se inspirar com a gente!

Regina Tchelly

mulheres-empreendedoras-regina-tchelly

Idealizadora e fundadora do Favela Orgânica, Regina Tchelly é uma empreendedora em potencial. Apesar de ainda não faturar milhões e milhões anualmente, a empresária já tem o reconhecimento do seu negócio de comercialização de alimentos como frutas, verduras e legumes orgânicos.

Com o uso de alimentos que normalmente seriam descartados em feiras e/ou supermercados, a empresária soma o cultivo de ingredientes à produção. Além da venda de comida saudável, Regina Tchelly também oferece, por meio do Favela Orgânica, oficinas a moradores locais para a construção de hortas em seus bairros.

Zica Assis e Leila Velez

mulheres-empreendedoras-zica-assis

Um grupo de pessoas insatisfeitas com suas vidas profissionais — uma no serviço de empregada doméstica, um taxista e outras duas trabalhando como atendente do McDonald’s — resolveu começar uma pequena empresa visando o cuidado de cabelos crespos e cacheados. Com anúncios colados em ônibus circulares do transporte público, o instituto Beleza Natural conquistou os primeiros e as primeiras clientes.

Já faz 21 anos desde que Zica Assis começou a buscar novas misturas de ingredientes que seriam a fórmula para tratar e estilizar o seu cabelo cacheado. Depois de incontáveis tentativas, a empresária decidiu comercializar o produto em tratamentos estéticos dentro de um pequeno salão de 30m². A ideia criou filas na porta do estabelecimento, o que só fez o negócio crescer.

Para Leila Velez, co-fundadora e presidente do Beleza Natural, tudo só foi possível pela crença inabalável no sonho de fazer a empresa dar certo. Hoje já são mais de 40 unidades do instituto, lojas de produtos e quiosques espalhados pelo Brasil!

Luiza Helena Trajano

mulheres-empreendedoras-luiza-trajano

Natural da cidade de Franca, no interior de São Paulo, Luiza Helena Trajano credita aos pais e à tia o sucesso que hoje tem na presidência da rede Magazine Luiza. A empresária destaca que a mãe foi uma figura de grande importância em sua vida e na sua carreira profissional, pelo que chama de “inteligência emocional”: sempre motivá-la a acreditar em seus sonhos e a ter autoconfiança.

Já a tia foi um exemplo de mulher empreendedora presente na família desde a sua infância. No pequeno comércio dos tios, toda a família honrava os crachás de “vendedor” e “vendedora”. Foi com esse espírito de humildade e força que Luiza Helena Trajano conseguiu mudar sua história ao investir no negócio familiar. Trabalhando desde os 12 anos de idade, é um exemplo para todas as mulheres que querem seguir uma carreira empreendedora.

A rede Magazine Luiza é atualmente uma das maiores do país. Com lojas espalhadas por mais de 740 cidades, a empresa constrói uma história de sucesso!

Camila Achutti

mulheres-empreendedoras-camila-achutti

Com apenas 22 anos, Camila Achutti é destaque no cenário de Tecnologia da Informação no Brasil. Formada no curso de Ciências da Computação da Universidade de São Paulo (USP), a empresária percebeu cedo que precisaria se esforçar mais do que os colegas homens, que eram maioria na turma, para conseguir reconhecimento na área.

Justamente pela questão de gênero e devido às dificuldades que passam pela vida de todas as mulheres que resolvem entrar no mundo da informática e da tecnologia, Camila Achutti decidiu  dedicar o seu trabalho a aumentar a diversidade da mão de obra no setor brasileiro. Ao unir experiências em grandes empresas internacionais, como a Google, e sua personalidade empreendedora, fundou a Ponte 21, empresa de consultoria.

A empresária também alimenta o blog Mulheres na Computação, é Influenciadora Digital da FIAP, lidera projetos da Semana Mulher na Tecnologia e trouxe para o Brasil o Technovation Challenge Brasil, um desafio de empreendedorismo na tecnologia só para meninas. Ela também foi uma das palestrantes no Innovation Experts, um Congresso Online de Inovação em Negócios realizado em 2014 pelo time SilviaPahins.Com. Muito inspirador para as mulheres que querem tomar o seu espaço em todos os setores do mercado, não é verdade?

Sônia Hess

mulheres-empreendedoras-sonia-hess

Seu Duda e Dona Lina são os pais de Sônia Hess, presidente da Dudalina, uma grande marca quando o assunto é camisaria no Brasil. A Dudalina é atualmente a segunda maior exportadora de roupas do Brasil e produz para grandes nomes do ramo, como Zara, Daslu e Levi’s.

Tudo começou quando seu pai, em uma viagem de compras à cidade de São Paulo – para reabastecer o estoque da pequena venda da família –, acabou comprando tecidos a mais do que o pedido original. A mãe, que não tinha o que fazer com as sobras, resolveu descosturar uma das camisas de sua loja para descobrir como era feita e poder aproveitar os tecidos excedentes.

Em uma tarde, com a ajuda de mais duas costureiras, Dona Lina produziu três camisas que foram vendidas no mesmo dia. Assim nascia a Dudalina, no ano de 1957!

Rafaela Cappai

mulheres-empreendedoras-rqfa-cappai

Atriz, bailarina, jornalista e empreendedora criativa, Rafaela é uma empreendedora da nova era. Ao unir suas paixões em um negócio, criou uma empresa online que alcança milhares de pessoas de todos os cantos do mundo.

Para conseguir viver daquilo que ama, Rafaela Cappai foi ao Reino Unido estudar a fundo sobre empreendedorismo criativo e, ao voltar ao Brasil, fundou a Espaçonave. Na sua empresa ela ensina outros criativos e artistas a desenvolverem suas ideias e colocarem seu negócio no mundo.

Não faltam exemplos de mulheres empreendedoras para você se motivar na busca dos seus sonhos! Falamos sobre mulheres comuns, brasileiras que acreditaram em si mesmas e conseguiram transformar seus negócios, assim como você pode fazê-lo.

Gostou da nossa lista? Conhece outras histórias de empresárias inspiradoras? Deixe seu comentário e compartilhe com a gente!

Shares
Share This