Você se sente esgotado e acorda mal-humorado? Repete comportamentos negativos diariamente e se sente frustrado com frequência? Sente que tem tentado de tudo, mas a coisas não saem como esperado? Então, talvez, a sua energia não esteja fluindo da maneira adequada por seu organismo e você precise se voltar para as suas emoções, praticando técnicas de libertação emocional.

Continue lendo para entender por que isso é importante e como poderá melhorar sua vida.

Veja por que as energias importam

Nós somos seres de energia em constante movimento e, involuntariamente, retemos sentimentos que são frutos do nosso convívio humano. O ambiente e as pessoas ao redor influenciam diretamente em nosso equilíbrio interno.

Já aconteceu de você entrar em um ambiente e sentir a energia pesada, ficando instantaneamente ansioso? Ou, então, diante de alguma situação que te afeta sentir sua força se esvaecendo? Algumas pessoas são mais sensitivas que outras, mas todas terão momentos em que sentem essa energia e vibração.

Sendo assim, essas energias podem nos afetar tanto positivamente quanto negativamente. A questão é aprender a lidar com esses estímulos que acontecem a todo momento.

Nós podemos aprender a lidar com padrões negativos de comportamento ou, então, não notá-los e repeti-los durante anos, os fortalecendo. Podemos aprender a deixar as coisas irem e se desapegar para termos uma vida mais leve ou, em vez disso, ir acumulando cada vez mais tensões e problemas dentro de nós mesmos.

Saiba qual é o problema em acumular sentimentos

Imagine uma pessoa que passou por uma infância e adolescência difíceis, com muitos traumas e cercada de negatividade. Ela não percebeu o quanto foi guardando essas energias ruins e acabou acumulando sentimentos dentro de si.

Inconscientemente, essa pessoa vai agir no dia a dia como o seu “eu” antigo faria. Raivas, inseguranças e medos se repetem sem que ela perceba.

Se ela acumulou muito rancor, não conseguirá perdoar o mínimo dos erros, perdendo amigos e afastando aqueles ao seu redor. Se guardou raiva, toda vez que se relacionar com alguém vai explodir desproporcionalmente com qualquer provocação.

Para essa pessoa, uma gota d’água faz uma tempestade. Ela não é capaz de enxergar com clareza as reações que tem. Elas são quase automáticas.

Pense em uma semana complicada que teve em sua vida, cheia de problemas, sentimentos ruins e obstáculos. Imagine agora semanas como essas se repetindo com frequência sem que você pare para trabalhar dentro de si todas as emoções e confusões. Difícil, não é mesmo?

Todo esse acúmulo de energia negativa acaba criando um ciclo vicioso, pois você reage de uma maneira ruim, as pessoas ao seu redor não entendem e você se vê mais frustrado. Dessa forma, vira uma pessoa pessimista, mal-humorada e triste.

Essas, no entanto, são condições de espírito possíveis de mudar, basta que você aprenda a lidar com todas essas energias. E é aí que entra a libertação emocional.

Conheça a EFT, uma técnica de libertação emocional

Os princípios da EFT (Emotional Freedom Techniques) dizem que todas as emoções negativas são decorrentes de uma interrupção no fluxo energético do corpo. Isso significa que os problemas financeiros, emocionais, físicos, entre outros, são causados por esse desequilíbrio energético.

A técnica toma como base a acupuntura, trabalhando com os meridianos do organismo para favorecer o movimento de energia. A sua diferença, no entanto, está no fato de que não existem agulhas, mas, sim, batidinhas e percussões sob esses pontos.

Parece simples, mas o segredo está em focar nas questões a serem trabalhadas e os aspectos emocionais que estão ligados aos nossos comportamentos. As batidas dos dedos nos terminais energéticos fazem a energia ressonar no organismo, enquanto nosso foco está nas questões que precisam de cuidado.

Além dos batimentos, existem frases ditas em voz alta durante a técnica. Há a frase de preparação e a de lembrete. Elas são importantes para atrair sua atenção ao momento, mantendo seu foco nas energias das quais quer se livrar. Normalmente, as sessões são conduzidas por um profissional.

Faça lembretes para se libertar da negatividade

Mas se no dia a dia somos cercados de negatividade e estímulos, o que fazer para não acumular tantos sentimentos e tensões? Existem algumas ideias que, se colocadas em prática, podem te ajudar a trilhar um caminho mais harmônico.

Lembre-se de que você é responsável por si mesmo. Ninguém poderá viver a sua vida por você, assim como sua felicidade não depende de ninguém. Conscientize-se das suas escolhas e das consequências que elas trazem.

Nessa vida, tudo flui. É preciso deixar as coisas irem embora. Não se apegue tanto ao passado ou a itens materiais. Aceite as coisas que aconteceram, aprenda com elas e entenda que é hora de dar um passo adiante. Aceite que as coisas são apenas coisas, não a fonte da sua felicidade.

Você se torna um refém da vida se não se renova e não permite que as coisas sigam seu caminho natural. Você vai guardando e alimentando emoções que deveriam ir. Vai se nutrindo de sensações negativas, dando força àquilo que não deveria.

Liberte-se daquilo que não tem mais espaço e só lhe faz mal. Desapegar é sinônimo de equilíbrio emocional.

Descubra a importância da libertação emocional

Tudo é uma questão de prática. Existem técnicas como a EFT que podem te ajudar, mas é preciso exercícios diários para mudar padrões indesejáveis.

Tomando consciência da importância da libertação emocional, você estará melhor consigo mesmo e com as pessoas ao seu redor. Você entende qual é o seu real propósito de vida, sem estar com a visão embaçada pelos sentimentos ruins.

Se você está em um período emocional delicado, a libertação emocional é um caminho para descarregar aquilo que lhe prende, permitindo maior entendimento e sensibilidade diante de situações de conflito. Seja no trabalho ou no ambiente familiar.

Liberando aquilo que está acumulado e que te faz refém de atitudes negativas, você pode lidar melhor com as suas emoções e até mesmo a de outras pessoas, passando a compreender porque elas agem de tal maneira.

Agora que você sabe a importância da libertação emocional, que tal passar a refletir mais sobre os seus comportamentos e descobrir que é hora de se desapegar e se libertar de sentimentos acumulados?

Se você gostou desse post, assine nossa newsletter e receba em primeira mão outros conteúdos com mais dicas para alcançar a vida que deseja!

Shares
Share This