autoconhecimento é fundamental no alcance do equilíbrio. Conhecer a própria personalidade, o que te motiva e o que te desanima, ajuda a lidar com todos os aspectos da vida e na evolução pessoal. Muitas vezes, por falta do autoconhecimento, as pessoas se tornam desmotivadas, se mantêm em relações tóxicas e acabam realizando atividades que não gostam.

O processo de se autoconhecer não é algo que vem do dia para a noite, demanda tempo e reflexão. E como desenvolvê-lo? Aqui vão algumas dicas.

Questione-se: O começo do autoconhecimento

Sempre se pergunte o que lhe faz bem, do que você gosta, quais são os seus desejos, o que você precisa melhorar. O autoconhecimento é um processo interno que trás muita clareza. Esteja atenta a si mesma. O que te torna forte e o que te enfraquece? O que te motiva? Perceber essas pequenas coisas ajuda a fazer com que influências externas não lhe afetem tanto, já que você se torna capaz de tomar decisões mais conscientes.

Esse também é um processo profundo. Por isso, vale procurar auxílio através de um processo de coaching ou outras ferramentas de autoconhecimento estruturadas.

Aprenda a dizer não

Por medo de ficarem sozinhas ou de desapontar o outro, às vezes as pessoas não desenvolvem a capacidade de dizer não. Ser bondoso é uma qualidade, mas não deixe que isso anule seus próprios desejos e lhe prejudique.

No trabalho quem sempre diz “sim”, sem questionar, é visto como sem determinação ou postura profissional. Já no amor ou nas amizades quando uma pessoa nunca questiona é vista como sem graça. Seja sempre gentil e prestativa, mas você não é obrigada a realizar pedidos que não está afim só para agradar os outros.

Lembre-se de que um “não” para o outro poder ser  um grande “sim” para quem você é de verdade.

Explore novas coisas e experiências

Sabe aquele tipo de coisa você nunca pensou em fazer? Como uma viagem sozinha ou mudança inusitada no visual? Por que não fazer? Experimente sair da zona de conforto e promova o desenvolvimento do autoconhecimento. Ao lidar com algo novo, você vai entender se gosta ou não daquilo e ainda como lidar com mudanças. Estar aberta ao novo é essencial para aprender.

Esteja sempre aberta a mudanças de opinião

Immanuel Kant, filósofo do século XVII, dizia “O sábio pode mudar de opinião, o ignorante nunca”. Abrir-se a novos pontos de vista e mudar quando necessário não significa ser “Maria vai com as outras” ou não ter personalidade, mas é um sinal de maturidade. Será que você acredita em tudo o que defende? Desconstruir velhos conceitos e mudar de ideia é resultado de um processo de reflexão, portanto, significa que você está exercitando seu pensamento e se autoconhecendo.

Tire um tempo para si

Para se manter firme é necessário saúde física e psicológica, para isso, cuidar de si é fundamental. Você está tirando um tempo para isso? Se a resposta for não, precisa começar imediatamente.

O silêncio é uma das maneiras mais poderosas que temos para ouvir a nós mesmas, ouvir nossa intuição e nos conectarmos com nossa essência e nossa verdade. Reserve momentos de silêncio para reconectar com si mesma.

Também fique um tempo off-line. Com os avanços tecnológicos é comum as pessoas saírem do trabalho, mas o trabalho não sair delas, pois ficam sempre checando e-mails e atendendo ligações. Relaxe, leia um bom livro, faça exercícios, saia com amigos ou assista aquela série que você tanto gosta. Veja como está sua saúde física, faça suas consultas de rotina. Pode até parecer trabalhoso e difícil por causa da rotina, mas nada que uma organização do tempo não resolva. Procure se colocar como uma de suas prioridades.

Procure ajuda

A rotina das pessoas está cada vez mais frenética. É casa, trabalho, amigos, filhos, relacionamentos amorosos, pós-graduação, trânsito lento, entre outros fatores. Por isso, cada vez mais tem aumentado o número de pessoas se sentindo inadequadas, desgastadas, com ansiedade.

A psicoterapia ajuda a prevenir e amenizar esses sintomas. Além disso, no acompanhamento com um psicólogo, é oferecida orientação, fazendo com que a pessoa aprenda a refletir sobre si mesma, além de mostrar maneiras de lidar melhor com o mundo.

Você também pode optar pela ajuda de um Coach. Esse é um processo com foco na realização de metas (e sonhos de vida!) e por isso pode ser muito valioso para quem busca aprofundar no autoconhecimento. Sabendo melhor quais são seus sonhos, será mais simples definir os passos e ações necessários para torná-los realidade.

Vale destacar que o processo de coaching e a psicoterapia são diferentes, por isso um não exclui ou substitui o outro. Na verdade, quando utilizados em conjunto, potencializam o seu processo de autoconhecimento e empoderamento.

Meditação e Ioga

Essas práticas trazem benefícios físicos e psicológicos, como melhora no sistema imunológico e diminuição de dores e tensões, e ainda aumentam a produção de serotonina no corpo, agindo no tratamento da ansiedade e estresse.

Quando você medita ou pratica ioga fica mais concentrada em si mesma, aumentando a criatividade, desenvolvendo a intuição e clareza da mente, que consequentemente auxiliam na conquista do autoconhecimento.

Escreva

Sempre que tiver uma ideia, um novo pensamento ou um questionamento, escreva. Escrever exercita a criatividade e organiza o pensamento. Além do mais, ajuda a conectar com o seu subconsciente, trazendo a tona respostas que estavam escondidas ou esquecidas.

Vale ter um diário, um app de anotações ou mesmo um blog na internet. Expressar através de palavras é uma atividade empoderadora.

Exercite a gratidão

Enxergar as limitações é fundamental para superá-las, mas também quando o foco é apenas no que está em falta, o que já foi conquistado passa despercebido. Quando enfrentamos muitas dificuldades, fica difícil reparar nas coisas boas que nos cercam, mas com um pouco de calma e olhando ao redor, é possível perceber as bênçãos nas nossas vidas e desenvolver gratidão.

Pare sempre que puder e pergunte-se: O que eu tenho de bom? Pense na sua família, nos seus amigos, nos seus talentos, em todas as dificuldades que superou. Se puder, anote todos os dias o que aconteceu de bom com você, mesmo que sejam coisas que pareçam simples. Com isso, você vai enxergar sua força e capacidade pessoal, além de gerar motivação.

Escute mais a si mesma

Escutar as opiniões de outras pessoas é fundamental, porém, quando o que os outros pensam sobre você conta muito mais do que como você enxerga a si mesmo, isso se torna prejudicial. Quando a preocupação sobre a ideia que os outros têm de você é excessiva, a autoestima é prejudicada, além de dificultar o autoconhecimento. Afinal, como se conhece agindo sempre da maneira como os outros esperam?

Conquistar o autoconhecimento pode parecer difícil, mas apesar de demandar tempo é possível com organização e seguindo esses passos. O resultado é uma vida bem-sucedida em todos os aspectos, porque para estar bem com o mundo, é preciso estar bem consigo primeiro.

Gostou das dicas? Precisa saber mais sobre como cuidar de si mesma e conciliar trabalho, família e bem-estar pessoal? Conta aí nos comentários e fique ligada no nosso site, aqui você encontra tudo para empreender sua vida e negócios.  

Shares
Share This