Você já percebeu que as vibrações que emitimos nos trazem energias similares? É como quando algo ruim acontece no início do dia e ficamos dizendo que aquele dia já começou ruim. Parece que tudo começa a dar errado, não é? Nosso pensamento tem uma força incrível e ele pode ser decisivo para atrair escassez ou abundância.

Quer saber qual você atrai? Continue a leitura!

O conceito de escassez e abundância

Muita gente acredita que a abundância está relacionada somente ao dinheiro, mas esse é um equívoco. Embora uma situação financeira confortável também seja parte de uma vida abundante, podemos dizer que ter saúde, amor e boas experiências também são muito importantes para que sejamos plenamente felizes.

Além disso, a abundância significa ter todas essas coisas em excesso, ou seja, muita saúde, muito amor, muita prosperidade. Já a escassez é o oposto a isso. É quando falta dinheiro, falta um objetivo, falta amor e harmonia, seja com amigos, família ou colegas de trabalho.

Os erros que lhe fazem atrair escassez

Você pode até pensar que todo mundo quer abundância e por isso a atrai, no entanto, por vezes atraímos a escassez de forma inconsciente. Isso porque ficamos focando no que nos falta ter, nas dificuldades para alcançar esses objetivos e acabamos emitindo essas vibrações negativas, ainda que sem querer.

Isso acaba impactando as nossas atitudes. Por exemplo: se um vendedor acredita que naquele mês as vendas serão muito ruins, ele pode deixar seu estoque reduzido.

Com isso, quando os clientes forem adquirir os produtos podem não encontrar o que procuram e deixar de comprar. A consequência é a de que realmente as vendas serão ruins, ou seja, ele acabou atraindo o que temia: a escassez.

Caso ele fizesse o oposto e investisse em modelos novos, a situação poderia ser completamente diferente, não é? A negatividade é um dos erros mais comuns que atraem a escassez e podem lhe impedir de mudar de vida, mas não é o único, como mostraremos agora apontando outros desses erros.

Ter ingratidão com o que você conquistou

Você dá mais valor ao que conquistou ou ao que não conseguiu alcançar? Fato é que a maior parte das pessoas acaba pensando muito mais no que não tem, reclamando das contas para pagar, do emprego que não é o que queria e de outras coisas com as quais não estão satisfeitas.

Elas se esquecem de que as contas são pagas por serviços que trouxeram conforto de algum modo, que o emprego que ela tem lhe dá o salário que ela usa para sustentar a si mesma e às vezes até outros e que, mesmo que o relacionamento com seu parceiro (a) ou com a família não esteja bom, ao menos ela tem entes queridos que se preocupam e gostam dela, ainda que tenham divergências.

Olhe para tudo o que conseguiu até agora e agradeça, não seja ingrato com suas conquistas, pois só você sabe o quanto lutou e como foi difícil chegar onde está. Você também pode planejar como conquistar os objetivos que ainda não foram alcançados, afinal, ainda há tempo.

Sentir inveja da prosperidade alheia

Quando alguém olha para o sucesso alheio com inveja, emana energias ruins e sentimentos como pena de si mesmo e desânimo são inevitáveis. Alguns se questionam: porque ela e não eu? Porque eu não consegui o mesmo que ela?

Isso acaba fazendo com que a pessoa não alcance o que deseja, pois está emitindo as vibrações negativas e o universo lhe devolverá mais dessas energias. Tais sentimentos devem ser revertidos por felicidade e abundância, já que a outra pessoa alcançar os objetivos dela não fará com que você não alcance os seus. Há oportunidades para todos, em abundância.

Cada um trilha seu próprio caminho, alguns se casam, tem filhos, outros não. O mesmo acontece sobre morar sozinho, ter o próprio carro, concluir a faculdade e ter um bom emprego.

Esses são objetivos que a sociedade coloca como meta para ter uma vida bem-sucedida, porém, demorar para conquistá-los, querer algo diferente ou mesmo não conseguir alcançá-los não significa que você precisa se desesperar com o medo do fracasso.

Lembre-se, ao invés de pensar que não conseguirá o que quer por falta de oportunidade, é preciso mentalizar que essas oportunidades existem em abundância. O medo da escassez pode lhe trazer muita infelicidade, pois você estará sempre mentalizando o pior cenário e como consequência, aquela se tornará sua realidade.

Culpar outras pessoas pelos seus erros

Quando observamos nossas falhas, é comum tentar achar um culpado. Pode ser o chefe, os pais, amigos, namorados, esposas, filhos, enfim, a culpa tende a ser delegada a alguém. O problema é que nesses casos a postura de vítima é assumida, impedindo as atitudes que podem reverter a ação.

A pessoa perde tanto tempo alimentando mágoas e remoendo o passado que, na maior parte das vezes, acaba se limitando. Se você fizer o oposto e pensar em abundância, tomará as rédeas de sua vida, deixará de se preocupar com o que não pode ser controlado e passará a fazer o possível para chegar onde quer.

Reverta a situação e atraia abundância

Caso você tenha identificado alguma atitude sua que atraia a escassez, não se desespere, saiba que você não é o único. Esses pensamentos podem ocorrer hora ou outra, mas é preciso educar a própria consciência para atrair o que deseja.

Reflita se seus pensamentos estão mais voltados à escassez ou a abundância, muito do que pensamos foi originado por nossas experiências e sobre o que ouvimos das pessoas ao nosso redor. Você realmente acredita que pode viver uma vida em abundância ou você se limita e se sabota?

Entenda o que você pensa, como pensa, porque pensa. Assim conseguirá identificar padrões negativos que podem ser alterados, além de bloqueios que podem estar lhe impedindo de vibrar pensamentos que gerem abundância.

Observe também com quem você se relaciona. Pessoas prósperas podem lhe ajudar a atrair boas vibrações e energias, portanto controlar seu círculo social pode fazer toda a diferença para que você conquiste a escassez ou abundância.

Quer saber mais sobre como alcançar seus objetivos e atrair muita prosperidade e abundância para sua vida? Entre em contato comigo!

Shares
Share This