Você já conquistou o status profissional que sempre sonhou, tem um bom salário e, consequentemente, é uma pessoa financeiramente estável. Acontece que todo esse empenho no trabalho consome todo o tempo, o dia, a semana, o mês e o ano. E assim a vida vai passando e você se sente frustrada por não ter mais tempo livre para a família.

Apesar de não ser uma tarefa fácil, melhorar a qualidade de vida e atingir a plenitude entre os afazeres pode ser simples. Este post traz algumas dicas de como melhorar a administração do seu dia e equilibrar o tempo dispensado entre o trabalho e a família. Confira!

1. Organize o dia para ter tempo livre para a família

Saber exatamente o que precisa ser feito durante o dia parece uma tarefa fácil, mas a maioria das pessoas não consegue se organizar de forma que as distrações sejam de fato uma distração e não façam parte da rotina.

É comum as pessoas perderem muito tempo com atividades secundárias e, muitas vezes, sem sentido. Organizar o dia e ter clareza sobre o que será necessário fazer é meio caminho andado para terminar o dia de trabalho com energia para se dedicar a família.

2. Utilize a técnica Pomodoro no trabalho

Quando Francesco Cirillo inventou a técnica Pomodoro, na década de 1980, não sabia que sua criação seria muito mais pertinente 20 ou 30 anos depois. O auge da tecnologia aumentou as possibilidades de distração e a capacidade de concentração se tornou ainda mais fundamental.

Talvez esse não seja o caso de quem trabalha numa empresa com regras bem definidas, mesmo assim, a técnica Pomodoro será muito útil para aumentar a agilidade cerebral e, consequentemente, a produtividade.

A técnica consiste em cronometrar o tempo de trabalho e, a cada 25 minutos, fazer um pequeno intervalo. A ideia é utilizar essa pausa para aumentar a agilidade do cérebro. Porém, o que se deve destacar é a organização das tarefas entre os intervalos.

Para isso, você precisa elaborar um cronograma diário, fazer um planejamento e seguir à risca cada detalhe do planejamento. Sem distração e procrastinação será possível terminar o dia com a sensação de dever cumprido e chegar em casa livre para se dedicar à família.

3. Delegue atividades menos importantes

O ato do microgerenciamento consome mais energia e tempo do que fazer as próprias tarefas. Se o tempo está curto e você sente falta dos momentos em família, delegue aquelas atividades menos importante, especialmente, no trabalho. Levar trabalho para casa não é uma boa ideia e distribuir afazeres eliminará qualquer possibilidade de atraso.

Para isso, é preciso confiar nas pessoas. De nada adianta repassar uma atividade e continuar preocupada com o cumprimento de prazo e com a qualidade do trabalho. Acontece que atividades com pouca complexidade podem ser, seguramente, delegadas. Faça isso e perceba que tudo fluirá com maior naturalidade.

4. Negocie trabalho em home office

Trabalhar em casa ao menos uma vez por semana permitirá um ganho de tempo significativo, pois não haverá mais a necessidade pegar trânsito e se deslocar até a empresa. Além disso, você poderá realizar as refeições em família, aumentando a proximidade entre os outros membros da casa.

Essa pode ser uma ótima experiência para melhorar a relação com a organização do próprio tempo. Caso decida abrir o próprio negócio, por exemplo, você já estará habituada a uma rotina de horários flexíveis, mas que exigem ainda mais disciplina para não se perder.

5. Acorde cedo para se exercitar

Fazer exercícios não é apenas um benefício para a saúde física, mas também para a saúde mental. Além disso, a prática de levantar cedo pode ser uma aliada na geração de energia e disposição, ajudando a aumentar o foco no trabalho e, consequentemente, te tornando mais produtiva.

Se o dia começa bem e com disposição, é natural que continue no mesmo ritmo e que os momentos em família sejam bem aproveitados. E essa é também uma ótima oportunidade de expressar gratidão por mais um dia.

6. Defina um dia da semana para dedicar à família

Esse ponto faz parte da organização dos seus dias, pois uma semana bem definida e com objetivos claros ajudará a manter a disciplina. Talvez você não terá a oportunidade de ficar o dia todo com a família, mas ao definir um dia para realizar um passeio ou alguma atividade lúdica, será possível manter o foco nesse compromisso, evitando que outras responsabilidades atrapalhem esse momento importante na companhia da família.

7. Partilhe as tarefas domésticas

Um casal ou uma família que divide as tarefas domésticas tende a ser mais feliz. Normalmente, a mulher fica sobrecarregada e realiza essas atividades da casa sozinha, o que a deixa esgotada, inclusive aos finais de semana.

Além de injusto, não sobrará tempo para uma conversa com o filho ou para uma atividade em família. Por esse motivo, o ideal é incluir todos e fazer desses trabalhos uma ótima oportunidade para uma convivência saudável.

Por exemplo, mesmo que a criança ainda não saiba como realizar uma tarefa, ao ser incluída nas atividades ela se sentirá mais próxima da mãe. Sem contar que o tempo será otimizado e depois será possível praticar uma atividade divertida, que envolva a todos.

8. Utilize o tempo com um propósito

Com a imensa possibilidade de se conectar ao mundo por meio de redes sociais e de pesquisas sem muito sentido na internet, as pessoas perdem tempo divagando entre um assunto e outro, um bate papo no WhatsApp ou um vídeo de curiosidade postado no Facebook.

No entanto, é preciso lembrar que o tempo deve ser encarado como dinheiro e, por isso mesmo, ser utilizado com algum propósito. Experimente fazer uma análise de como está utilizando o seu tempo e veja se as suas prioridades estão contribuindo para o objetivo de ter mais momentos livres para a sua família.

O tempo é um ativo e deve ser usado para gerar valor, assim como o dinheiro. Se você cuida do dinheiro e de onde está utilizando os seus ganhos, também precisa cuidar do tempo, pois este é tão limitado quanto a moeda.

9. Busque o equilíbrio

Ter uma vida equilibrada é uma questão de saúde. Se o trabalho está consumindo todo o tempo, exigindo muito e você não está conseguindo equilibrar a dedicação entre as atividades profissionais e pessoais, talvez esteja na hora de repensar a carreira.

As mudanças fazem parte da vida e essa abertura possibilita ser dono próprio tempo e destino. Que tal iniciar um empreendimento que possibilite uma relação mais próxima com os filhos e com a própria vida, sem a necessidade de viver desgastada e frustrada?

Lembre-se de que, além de se dividir entre as atividades profissionais e familiar, você não pode se esquecer da própria individualidade. Um momento para leitura, meditação ou um simples cafezinho no final do dia com uma amiga pode aliviar as tensões e ajudá-la a se sentir mais importante.

Cada dica é fundamental na busca por uma vida plena e com propósito, mas a união de todas elas é que levará a atingir o seu objetivo. A principal atitude é fazer uma análise minuciosa da sua rotina e considerar as mudanças propostas, bem como, se necessário buscar ajuda profissional para organizar a rotina e iniciar uma alavancagem na vida pessoal. Ter tempo livre para a família é muito mais do que se divertir e conversar, mas viver uma vida saudável e realizada.

Gostou das dicas aqui listadas e gostaria de saber mais informações sobre como melhorar as suas relações no dia a dia e ter mais tempo livre para a família? Curta a nossa página no Facebook e tenha mais ideias de como crescer pessoalmente e profissionalmente!

Shares
Share This