A abertura do próprio negócio necessita de uma estratégia financeira bem elaborada. Para que seja possível alcançar o sucesso em sua jornada, é necessário avaliar os custos, as previsões de investimentos, os gastos com materiais e equipamentos, a contratação de funcionários e diversos outros pontos referentes a abertura de uma empresa. Tão importante quanto saber o valor do investimento é identificar a melhor forma de juntar dinheiro.

Pedir um empréstimo? Recorrer a uma linha de crédito específica? Abrir uma poupança ou uma conta de investimentos? Confira 9 dicas para juntar dinheiro para abrir um negócio:

1. Defina o montante necessário

A primeira dica para que você consiga juntar dinheiro e abrir um negócio é definir o montante necessário. Os detalhes do negócio que você pretende abrir precisam ser esmiuçados. Escolha o nicho de atuação com cuidado, analisando o mercado e encontrando nessa análise o valor necessário para que a abertura de sua empresa seja possível. Seja realista e leve em consideração todos os tipos de gastos a curto, médio e longo prazo. O ideal é que estas informações fiquem armazenadas em uma planilha.

2. Organize-se financeiramente

Antes de começar a juntar dinheiro, você precisa organizar sua vida financeira. Eis algumas atitudes que você pode tomar para alcançar esse objetivo:

  • coloque em uma planilha todas as receitas e, principalmente, despesas e dívidas que possui;
  • em relação às dívidas, trace uma estratégia clara e objetiva com o intuito de saná-las;
  • estabeleça um prazo para que isto ocorra;
  • comece a poupar o mais cedo possível, diminuindo a quantidade de gastos;
  • controle o seu lado consumista e evite os gastos supérfluos, poupando o máximo que puder com o objetivo de atingir a meta proposta.

3. Crie uma conta de investimentos

O seu objetivo é poupar, não é verdade? Para isso, conte com todas as opções possíveis. Vá além da poupança e procure por uma conta de investimentos. A maioria das pessoas desconhece as opções disponíveis no mercado e recorrem, basicamente, a poupança — que um dia já foi boa. O seu gerente bancário pode lhe informar acerca dos investimentos que são disponibilizados pelo banco no qual você tem conta. Caso seja necessário, conte com o conhecimento de um especialista em investimentos.

4. Procure por incubadoras

As incubadoras são os lugares onde as startups são desenvolvidas. Estas são instituições ligadas, geralmente, a universidades e instituições de ensino que apoiam de diversas formas os empreendedores que estão em começo de carreira. Esse tipo de organização estimula a criação e o desenvolvimento das pequenas empresas, para que elas possam crescer e se consolidar no mercado. Nas incubadoras, há espaço físico, infraestrutura, acesso à internet e até assessoria jurídica para que as dúvidas legais possam ser esclarecidas. O auxílio oferecido ajuda a economizar e juntar mais dinheiro.

5. Busque pelas agências de fomento

Existe mais uma opção de fonte de capital: as agências de fomento. Elas são instituições cujo objetivo principal é o de financiar capital fixo e de giro para empreendimentos previstos em programas de desenvolvimento, como: projetos de infraestrutura, profissionais liberais, micro e pequenas empresas. As agências de fomento abrem linhas de crédito com juros baixíssimos ou nulos. Para ter acesso às agências de fomento, o empreendedor precisa ter um certo conhecimento e contato com organizações como Senai, Fapesp, CNPq e agências de amparo à pesquisa.

6. Consulte o seu banco

Por mais que saibamos que os bancos nem sempre oferecem as melhores soluções financeiras para os nossos problemas, sempre vale a pena tentar. Quem pensa em abrir uma franquia, por exemplo, pode buscar por um empréstimo bancário. É muito comum que os bancos tenham linhas de crédito vantajosas para a abertura de franquias e unidades. Quem está começando do zero, como você, pode encontrar uma certa dificuldade no acesso a essas linhas de crédito, mas vale a pena conversar com o gerente daqueles que oferecem soluções específicas para o seu tipo de negócio.

7. Tente atrair investidores externos

Essa prática é muito comum no mercado das startups. Os investimentos vindos do exterior podem ser obtidos quando o negócio já se encontra em um estágio mais maduro, ou seja, com um enorme potencial para crescer.

Digamos que você tenha em mãos uma solução tecnológica que melhora a experiência dos consumidores nas lojas físicas. Você conseguiu desenvolver um protótipo, porém não tem o dinheiro necessário para fazer uma produção em larga escala. Esse estágio do processo, que parece ser inicial, na verdade, reflete maturidade e, diante das provas de que sua solução é boa, os investidores externos podem desejar apostar nela.

8. Mantenha-se na linha

Independentemente da forma encontrada para juntar dinheiro para abrir um negócio, saiba que você precisa se manter na linha. É necessário manter a frequência de depósitos mensais sempre que possível, da mesma maneira que aumentá-la também é uma ideia positiva.

Se esse dinheiro for depositado em uma conta de investimentos, tente fazer com que ele trabalhe ao seu favor. Garanta que os juros façam com que o montante também cresça. Quanto maior for a quantidade poupada, mais rápido você será capaz de realizar o sonho de abrir o seu próprio negócio.

9. Continue juntando dinheiro

Por mais que você consiga abrir o seu negócio, jamais deixe de poupar. A economia de dinheiro serve não apenas para que o empreendimento funcione, mas também para deixá-lo preparado para os momentos de crise. Ela também é útil na realização de investimentos pontuais ao crescimento do negócio, como capacitação da equipe de trabalho, compra de novos equipamentos, ampliação do espaço físico e até a abertura de filiais ou novas unidades.

Depois que o negócio já está aberto e funcionando plenamente, muitos empreendedores acabam deixando de lado a economia de dinheiro. Não cometa esse erro, pois os gastos de forma desordenada apenas prejudicam o desempenho do seu empreendimento. O hábito de economizar é necessário para que você e o seu negócio cresçam juntos, mantendo uma constante evolução.

Tudo preparado para que você comece a juntar dinheiro agora mesmo? Continue seguindo em frente para conseguir abrir um negócio!

Compartilhe esse post em suas redes sociais! Divida com seus colegas, amigos, familiares e demais contatos as dicas acima. 

Shares
Share This